Obama determina envio ao Iraque de até 450 militares dos EUA

0
184
Reuters
 O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, ordenou nesta quarta-feira o envio de até mais 450 militares norte-americanos e a criação de uma nova base de treinamento na província iraquiana de Anbar para ajudar a reconstruir as forças do Iraque na preparação para um batalha para retomar território perdido para o Estado Islâmico.
O plano para ampliar o atual contingente de 3.100 treinadores e conselheiros militares dos EUA no Iraque marca um ajuste de estratégia de Obama, que vem enfrentando pressão para tomar ações contra os insurgentes do Estado Islâmico.
Obama decidiu sobre o novo envio de tropas em resposta a um pedido do primeiro-ministro do Iraque, Haider al-Abadi, de acordo com a Casa Branca. Os dois líderes se encontraram durante a reunião de cúpula do G7 na Alemanha esta semana.
Mas, com Obama firme em sua recusa a enviar tropas para combater ou até mesmo para áreas perto das linhas de frente do combate, é improvável que a nova medida silencie os críticos que dizem que o papel militar limitado dos EUA no conflito não é o bastante para virar a batalha.
Autoridades dos EUA esperam que uma presença militar norte-americana maior em Anbar vai ajudar as forças iraquianas no contra-ataque para retomar a capital da província, Ramadi, que foi tomada pelos insurgentes no mês passado, em uma operação que expôs as fraquezas do Exército iraquiano.

Leave a reply

By continuing to use the site, you agree to the use of cookies. more information

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close